Notícias

12/07/2018 08:24:47

Consumidores reclamam do aumento no preço do leite e produtores dizem que recebem menos do que em 2017

Consumidores reclamam do aumento no preço do leite e produtores dizem que recebem menos do que em 2017

O consumidor está pagando mais caro pelo leite. O aumento nos supermercados foi de 15% e, segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese),o que contribuiu para que a cesta básica de Porto Alegre fosse a mais cara do país em junho.

"Está complicado para fazer o rancho, está cada mês mais caro", relata a dona de casa Valéria Andrade.

Enquanto os consumidores reclamam dos preços, os produtores alegam que estão recebendo menos pelo litro. A estiagem no início do ano foi determinante para a redução na produção de leite no Rio Grande do Sul. Na Região Sul do estado, a queda foi de pelo menos 15%.

"No verão, se faz a silagem, que é a fonte de volumoso de fibra, de energia, para ser usada agora no inverno e nós tivemos uma quebra muito grande na produção de silagem que está acarretando em problemas agora", afirma o veterinário da Emater Marcelo Souza.

Os agricultores ainda enfrentam outros problemas. As altas temperaturas e o excesso de umidade nos meses de abril e maio favoreceram o aparecimento de um fungo no plantio do azevém – principal fonte de proteína para os animais. Os produtores tiveram que fazer o replantio do pasto, o que gerou ainda mais custos nas propriedades.

Enquanto isso, o preço pago pelo litro do leite é menor que no mesmo período do ano passado. De R$ 1,13 passou para R$ 1,04.

"É o pior momento da atividade pelo qual a gente está passando. Na verdade, eu nunca tinha enfrentado uma situação tão difícil, tão complicada quanto essa", afirma o agricultor Cláudio Azevedo.

Complicado também para a indústria. Em uma cooperativa do estado, as máquinas funcionavam sete dias por semana e agora estão paradas.

"Também teve a questão da greve dos caminhoneiros. Por 10 dias a maioria das indústrias não conseguiu coletar todo o leite. Isso dá mais ou menos 25% do leite de maio, que ficou na fazenda. E como o leite é um produto perecível, ele não tem como ser estocado. Então, esse leite saiu do mercado e acabou desabastecendo os varejos", explica o responsável técnico da cooperativa, André Rocha.

Isso tudo provoca o efeito "cascata". Se o consumidor continua comprando e a oferta é pequena, a situação causa um aumento nos preços.

"É a lei da oferta e demanda. Uma diminuição na oferta do produto, principalmente no varejo, faz com que haja uma pressão de preços. Porque a procura se matém estável. Então, é a lei natural da economia", explica o economista Ezequiel Megiato.

G1



Voltar

Entrevistas

  •  Capitão Vinicius Rodrigues da Silva fala sobre o caso da Conselheira Tutelar pela agressão física que recebeu por parte de um componente da Brigada Militar
    • Capitão Vinicius Rodrigues da Silva fala sobre o caso da Conselheira Tutelar pela agressão física que recebeu por parte de um componente da Brigada Militar

    • 21/09/2018 14:53:49
  •  Janaina Silveira Piovesan – Conselheira Tutelar fala sobre a agressão física que recebeu por parte de um componente da Brigada Militar
    • Janaina Silveira Piovesan – Conselheira Tutelar fala sobre a agressão física que recebeu por parte de um componente da Brigada Militar

    • 21/09/2018 14:52:41
  • Ricardo Reinke – Meteorologista de Atmosfera Meteorologia fala sobre a estação Primavera e as demais estações
    • Ricardo Reinke – Meteorologista de Atmosfera Meteorologia fala sobre a estação Primavera e as demais estações

    • 21/09/2018 10:23:48

Últimos recados

    • 17.09.2018
    • Elaine dos santos silva
    Estamos na escuta do programa, adoramos teu programa, aqui é o joãozinho e a elaine.
    • 24.08.2018
    • Lucia Maria Mendonça Lirio
    Boa tarde! Eu moro em Cachoeirinha e estou ouvindo a Rádio Tupã pelo computador para matar a saudade de minha terra natal e, aproveito para enviar um grande abraço para minha mana Ana Lirio da Silveira e meu cunhado João Cândido da Silveira e homenageá-los com a música LEMBRANÇAS! Um abraço Lúcia Maria
    • 16.07.2018
    • Ana Ribas
    Quero pedir a música "Não sou Tapete" - com Os Canários, em homenagem a eterna tia Canária, para meus amigos da Prefeitura. bjão
    • 13.07.2018
    • NEI JOSE DIAS PACHECO
    alguns aniversariantes de hj - 13.07.2018- ANTONIO SCHIMENECK, ALDORINDO DA SILVA MARTINS, LEANDRO MACHADO SCHMELING, WILLIAM SANTANA, PRYSCYLLA KUHN VERON, ROBERTO LUIZ CASARIN, JUSSARA GUIMARAES CARVALHO, ELIANE LIRIO, ODETE MACHADO, ADRIANO SAGRILLO, LIEGE MUGNOZ, MIGUEL FARIAS. A todos parabens, felicidades.
    • 24.06.2018
    • jefferson bonatto da silva
    gostaria de parabenizar a radio pela excelente comunicacao e respostas a seus ouvintes mesmo os que estao longe da cidade e ouvindo pela internet que é o meu caso que sou de porto alegre e sempre me mantenho informado com as noticias da cidade e tb fico ligado dos acontecimentos e previsoes do que se passa pela localidade. abraço a todos
    • 07.05.2018
    • Alex Fernando da Silva
    Gostaria de saber como faço pra colocar um anúncio na rádio Tupã

Categorias