Notícias

20/09/2018 11:01:23

Tradicionalista Luiz Jardim falou em entrevista sobre a Revolução Farroupilha

Tradicionalista Luiz Jardim falou em entrevista sobre a Revolução Farroupilha

Em entrevista no Variedades na manhã desta quinta-feira, 20 de setembro, o tradicionalista Luiz Jardim falou sobre a Revolução Farroupilha, Grupo dos 8 ,Tropeirismo e o 20 de setembro.

A Revolução Farroupilha aconteceu no Rio Grande do Sul e configurou-se a mais longa revolta brasileira. Durou 10 anos e foi liderada pela classe dominante gaúcha, formada por fazendeiros de gado.

A ideia era que os conflitos deveriam inspirar o governo central a incentivar o crescimento econômico do sul, como pagamento às gerações de famílias que se voltaram para a defesa do país desde há muito tempo. Mas isso não ocorreu.
Aconteceu o aumento da taxa de importação do sal e dentre outras questões. Tudo isso causou grande revolta na elite rio-grandense.

Luiz Jardim explicou que a anoitecer do dia 20 de setembro, de 1835 as tropas farroupilhas sobre comando de Gomes Jardim e Onofre Pires invadiram Porto Alegre. Já em 1836 o General Antônio Neto proclamou a republica Rio-grandense. (Luiz 1)

Existiram interesses econômicos e a principal causa dessa revolução tinha um objetivo principal que era se separar do Brasil politicamente. (Luiz 2)

Os estancieiros tinham liderança politica, e conseguiram fazer uma pressão ao governo, pressão essa que teve o uso de força física.

Sobre o Grupo dos 8 Luiz explicou que aconteceu em 1947 foi dando um novo grito. Paixão Cortes decidiu juntar um grupo para se reunir e valorizar a Revolução Farroupilha. (Luiz 3)

Jovens estudantes, de todas as classes sociais, liderados por Paixão Côrtes, criam um Departamento de Tradições Gaúchas no Colégio Júlio de Castilhos, com a finalidade de preservar as tradições gaúchas, mas também de desenvolver e proporcionar uma revitalização da cultura rio-grandense, interligando-se e valorizando no contexto da cultura brasileira.

Propondo a possibilidade da retirada de uma centelha do “Fogo Simbólico da Pátria” para transformá-la em “Chama Crioula”, nessa oportunidade, Paixão recebeu o convite para montar uma guarda de gaúchos pilchados em honra ao herói farrapo. David Canabarro, que seria transladado de Sant’Ana do Livramento para Porto Alegre.

Quando Paixão reuniu os Cavaleiros para irem até Porto Alegre ele só conseguiu unir 3 cavaleiros, pois os outros estavam com vergonha em ir até Porto Alegre a cavalo. (Luiz 4)

Os 3 jovens pegaram a chama em Porto Alegre e os outros 5 ficaram aguardando na escola.

O piquete hoje conhecido como Grupo dos Oito e após foi criado do “35” CTG.

Durante o cortejo, o “Grupo dos Oito”, os jovens estudantes, conduziam as bandeiras do Brasil, do Rio Grande e do Colégio Júlio de Castilhos.

Falando sobre o tropeirismo, qual os tropeiros tinham uma grande importância econômica. Os tropeiros faziam o comércio de animais como mulas e cavalos.

Os tropeiros também foram muito importantes na abertura de estradas e fundação de cidades e vilas. (Luiz 5)

A entrevista completa com Luiz Jardim está disponível no site da Tupã no link áudios e entrevistas.

  • (Luiz 5)
  • (Luiz 4)
  • (Luiz 3)
  • (Luiz 2)
  • (Luiz 1)


Voltar

Entrevistas

  • Janete Secchi – Secretária de Esporte, Cultura e Lazer. A Administração Municipal, através da Secretaria Municipal de Esporte, Cultura e Turismo, convida a comunidade para participar da 14º edição da Feira do Livro 2018, que acontecerá nos dias 18 e 19 a partir das 9h em frente a Casa de Cultura.
    • Janete Secchi – Secretária de Esporte, Cultura e Lazer. A Administração Municipal, através da Secretaria Municipal de Esporte, Cultura e Turismo, convida a comunidade para participar da 14º edição da Feira do Livro 2018, que acontecerá nos dias 18 e 19 a partir das 9h em frente a Casa de Cultura.

    • 17/10/2018 11:57:05
  • Fátima Mardini – Presidente do Centro Litero Cultural José do Patrocínio, Glécio Lima – Integrante do Centro Litero Cultural José do Patrocínio, Cristina Brum - Patrona da Feira do Livro. ‘Saudades em artes e Tributo a Eloá Souza´ as 19 horas e 30 minutos durante a feira do Livro nesta quinta-feira.
    • Fátima Mardini – Presidente do Centro Litero Cultural José do Patrocínio, Glécio Lima – Integrante do Centro Litero Cultural José do Patrocínio, Cristina Brum - Patrona da Feira do Livro. ‘Saudades em artes e Tributo a Eloá Souza´ as 19 horas e 30 minutos durante a feira do Livro nesta quinta-feira.

    • 17/10/2018 10:14:25
  • Plantão da Brigada Militar
    • Plantão da Brigada Militar

    • 17/10/2018 09:50:47

Últimos recados

    • 08.10.2018
    • MARIZANE RODRIGUES
    Muito bom poder ouvir a rádio Tupa e matar a saudade da minha terra natal!
    • 27.09.2018
    • Candida Marilda Amaral da Silveira
    Bom dia Miguel, estamos aqui no Escritório Gastaldo Contabilidade trabalhando e curtindo a radio tupã, que sempre nos traz musicas maravilhosas e nos atualizando nas noticias locais e da região!
    • 17.09.2018
    • Elaine dos santos silva
    Estamos na escuta do programa, adoramos teu programa, aqui é o joãozinho e a elaine.
    • 24.08.2018
    • Lucia Maria Mendonça Lirio
    Boa tarde! Eu moro em Cachoeirinha e estou ouvindo a Rádio Tupã pelo computador para matar a saudade de minha terra natal e, aproveito para enviar um grande abraço para minha mana Ana Lirio da Silveira e meu cunhado João Cândido da Silveira e homenageá-los com a música LEMBRANÇAS! Um abraço Lúcia Maria
    • 16.07.2018
    • Ana Ribas
    Quero pedir a música "Não sou Tapete" - com Os Canários, em homenagem a eterna tia Canária, para meus amigos da Prefeitura. bjão
    • 13.07.2018
    • NEI JOSE DIAS PACHECO
    alguns aniversariantes de hj - 13.07.2018- ANTONIO SCHIMENECK, ALDORINDO DA SILVA MARTINS, LEANDRO MACHADO SCHMELING, WILLIAM SANTANA, PRYSCYLLA KUHN VERON, ROBERTO LUIZ CASARIN, JUSSARA GUIMARAES CARVALHO, ELIANE LIRIO, ODETE MACHADO, ADRIANO SAGRILLO, LIEGE MUGNOZ, MIGUEL FARIAS. A todos parabens, felicidades.

Categorias